Artigos PC

Deadcore: Quando FPS e Plataformas se Misturam

Deadcore: Quando FPS e Plataformas se Misturam

Deadcore: Quando FPS e Plataformas se MisturamHá alguns anos atrás a mistura entre FPS e plataformas parecia muito improvável. À primeira vista os dois géneros pareciam um pouco distantes e apesar de muitos FPS’s terem introduzido saltos, nenhum poderia ser considerado também um jogo de plataformas. Mirror’s Edge terá sido o primeiro grande título a fazer resultar na perfeição a fusão entre os dois géneros e Deadcore parece ser mais outro jogo que consegue fazer isso.

Desenvolvido pela 5-Bits Games, uma pequena equipa de desenvolvimento francesa composta por apenas 6 elementos, Deadcore é mais uma pérola no mercado de videojogos independentes. Provavelmente tu nunca ouviste falar dele e se for esse o caso eu não te censuro, afinal de contas os jogos independentes não beneficiam de colossais campanhas promocionais como acontece com os grandes títulos.

Mas o que é certo é que apesar de ser relativamente desconhecido, Deadcore revela uma qualidade tremenda, surpreende em diversas áreas e consegue proporcionar uma experiência de jogabilidade que é simultaneamente sólida, divertida, inovadora e viciante.

Faz saltos, duplos saltos e utiliza não só a tua mestria com os dedos como faz-te valer da tua astucia mental para ultrapassares obstáculos. Contigo levarás uma arma, a SwitchGun que para além de atordoar alguns robôs e ligar e desligar interruptores, está longe de ser letal.

A morte é uma possibilidade – por vezes até mesmo uma certeza – a cada salto realizado, o jogo pode tornar-se difícil mas não é nada que um pouco de repetição e coordenação não resolvam. Deadcore parece polvilhado de brilhantismo e cada movimentação, salto ou aceleração é altamente recompensador, tão recompensador que nem os inevitáveis falhanços são capazes de fazer abrandar quem o joga.

A sua qualidade é surpreendente, o preço apetecível e se tu aprecias o género então a compra também é inevitável. Se quiseres ficar a conhecer um pouco melhor Deadcore dá uma vista de olhos pelo nosso Ary Costa a jogá-lo, não te esqueças também de seguir o no canal oficial no Youtube.

Diogo Mota

Diogo Mota

Editor-Chefe em Gaming Portugal
O Diogo é o organizador, todo o conteúdo do website passa de uma forma ou de outra pelas suas mãos, ele certifica-se que os padrões de qualidade são sempre altos e se a Gaming Portugal é hoje uma máquina relativamente bem oleada, isso acontece em grande parte graças ao seu trabalho.
Diogo Mota

Últimos posts por Diogo Mota (exibir todos)

Também poderás gostar de:

A Gaming Portugal Recomenda

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Política de Privacidade & Cookies

Este site (tal como todos os outros) utiliza cookies. Ao navegares na Gaming Portugal estarás a consentir a sua utilização.