Notícias PC

Star Citizen: Consolas Não o Conseguiriam Aguentar

Star Citizen: Consolas Não o Conseguiriam Aguentar

Star Citizen é um autêntico fenómeno no que a “crowdfunding” diz respeito, com uma campanha que já atingiu a marca dos 48 milhões de dólares (cerca de 35 milhões de euros) restam poucas dúvidas que existem recursos e uma estrutura para a criação de um jogo que pode fazer história. Muito se tem falado sobre a potência de Star Citizen e existem gamers que gostariam de o ver nas consolas da próxima geração (PS4 e Xbox One) mas isso é algo que não vai acontecer por uma simples razão, parece que elas não serão capazes de aguentar o jogo.

Embora pudesse ser muito benéfico para a Cloud Imperium Games um Star Citizen nas consolas da próxima geração, parece que isso não vai acontecer tão cedo, aliás de acordo com Eric “Wingman” Peterson isso não vai mesmo acontecer porque as consolas atuais (PS4 e Xbox One) simplesmente não conseguem competir com o PC no departamento da potência que coincidentemente é muito importante para que o jogador tenha uma experiência de jogo de qualidade:

[sws_blockquote_endquote align=”left” cite=”” quotestyle=”style02″] Primeiro e acima de tudo, as consolas simplesmente não conseguiriam lidar com um jogo como o Star Citizen. O Chris e eu crescemos com jogos de PC e nos últimos anos ficámos com a sensação de que ele tinha sido colocado de parte, com a maior parte dos jogos que saiam para o PC a limitarem-se a ser meras conversões que não exploram o poder da plataforma. Os PC’s de gaming neste momento são formidáveis, com processadores e gráficas poderosas, eles nem sequer podem ser comparados com as consolas da próxima geração cujos componentes internos já são mais antigos dos que eu posso adicionar neste momento a um computador de gaming moderno. [/sws_blockquote_endquote]

Ávidos defensores do gaming no PC e da plataforma como a derradeira máquina de gaming, a posição da Cloud Imperium Games não surpreende ninguém, o próprio Eric Roberts já tinha revelado que o Star Citizen não receberia uma versão interior apenas para que o jogo pudesse marcar presença na PS4 e Xbox One.

Star Citizen é ambicioso, ainda longe do seu lançamento oficial e numa fase de desenvolvimento já se consegue ver “rasgos” de brilhantismo e não restam dúvidas de que o jogo será poderoso. Ora se tanta potência poderá obrigar muitos gamers de PC a atualizarem as suas máquinas para tirarem partido de tudo o que ele tem para oferecer, é compreensível que as consolas sejam por esta altura “uma carta fora do baralho“.

Nos últimos anos temos assistido a uma hegemonia do gaming no PC, muitas companhias agora compreendem o potencial do computador como plataforma de gaming e a antiga batalha PC Gaming Vs. Consolas dá agora lugar a uma coexistência pacífica num mercado em que o gamer proprietário de consolas também ambiciona montar o seu PC de gaming.

Obrigado, PC Gamer

Paulo Figueiredo

Paulo Figueiredo

Editor em Gaming Portugal
O Figueiras é um elemento fundamental do Gaming Portugal e a figura mais respeitada da equipa. A sua vida atarefada e cheia de responsabilidades impede-o de acumular uma posição de maior destaque, embora mesmo se tivesse essa oportunidade o mais certo era ele recusá-la. A sua participação no Gaming Portugal é motivada principalmente pelo gosto por gaming e dá-lhe um prazer especial saber que nesta casa a “independência” é uma característica definidora.
Paulo Figueiredo

Últimos posts por Paulo Figueiredo (exibir todos)

Também poderás gostar de:

A Gaming Portugal Recomenda

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Política de Privacidade & Cookies

Este site (tal como todos os outros) utiliza cookies. Ao navegares na Gaming Portugal estarás a consentir a sua utilização.