Notícias PC

Survarium: Sucessor Espiritual de S.T.A.L.K.E.R.

Survarium: Sucessor Espiritual de S.T.A.L.K.E.R.

6 anos atrás S.T.A.L.K.E.R.: Shadow of Chernobyl apanhou a comunidade de gaming de surpresa, ele conta-nos a história de uma realidade alternativa em que ocorreu um segundo acidente nuclear em Chernobyl. Ele captou com mestria o cenário pós-apocalíptico e pouco tempo depois seria seguido por mais dois jogos. Mas quando se esperava que a saga continuasse a ser explorada e eventualmente se transformasse num MMO, o estúdio responsável foi subitamente encerrado e o S.T.A.L.K.E.R. 2, no qual a equipa já se encontrava a trabalhar, ficou suspenso indefinidamente.

Mas a vida dá voltas, inconformados com a situação os membros da equipa original decidiram criar a Vostok Games e a sua enorme vontade de continuar a trabalhar levou-os a criar também o Survarium, um MMO FPS que é então o tal sucessor espiritual do S.T.A.L.K.E.R. onde seguramente serão aplicadas muitas das ideias que a equipa de desenvolvimento teve enquanto trabalhava no S.T.A.L.K.E.R. 2.

Quando há uma equipa de desenvolvimento experiente por detrás de um videojogos há sempre esperança que o produto final tenha muita qualidade. Survarium é digamos o próximo passo expectável na série S.T.A.L.K.E.R. e se é verdade que por questões legais o seu nome não pode ser o original, também é verdade que todos sabemos que este jogo será o que S.T.A.L.K.E.R. 2 devia ter sido e muito mais.

Uma coisa é certa, a Vostok Games foi corajosa, Survarium parece estar a ser criado para ser uma experiência de grande dimensão e talvez seja o seu projeto mais ambicioso até à data. Neste momento está a decorrer a “alpha” fechada, se estás interessado em participar deves realizar o teu registo no website oficial e esperar pacientemente por um convite.

Paulo Figueiredo

Paulo Figueiredo

Editor em Gaming Portugal
O Figueiras é um elemento fundamental do Gaming Portugal e a figura mais respeitada da equipa. A sua vida atarefada e cheia de responsabilidades impede-o de acumular uma posição de maior destaque, embora mesmo se tivesse essa oportunidade o mais certo era ele recusá-la. A sua participação no Gaming Portugal é motivada principalmente pelo gosto por gaming e dá-lhe um prazer especial saber que nesta casa a “independência” é uma característica definidora.
Paulo Figueiredo

Últimos posts por Paulo Figueiredo (exibir todos)

Advertisements

Também poderás gostar de:

A Gaming Portugal Recomenda

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Política de Privacidade & Cookies

Este site (tal como todos os outros) utiliza cookies. Ao navegares na Gaming Portugal estarás a consentir a sua utilização.