PC Previews

Antevisão: Warlock Master of the Arcane

Antevisão: Warlock Master of the Arcane
[dropcap]W[/dropcap]arlock: Master of the Arcane é um jogo de estratégia por turnos desenvolvido pela Ino-Co Plus que tem lançamento agendado para o próximo dia 8 de Maio de 2012. O jogo coloca-nos no fantástico mundo de Ardania e convida os jogadores a assumirem o papel de “Great Mage“, um título atribuído a um género de feiticeiros estrategas que são responsáveis pela gestão de impérios mágicos. Nós vamos controlar exércitos, conquistar cidades e entrar em conflito com outros “Mages” para tentar conquistar o ambicionado título de “Warlock“.

Para quem não sabe o que é um jogo de estratégia por turnos, trata-se de um jogo de estratégia onde basicamente se joga à vez, ou seja durante um turno eu realizo os meus movimentos e de seguida é a vez do computador jogar.

Pois bem, a Ino-Co Plus é uma companhia com experiência nos jogos de estratégia por turnos, eles já desenvolveram títulos muito bons como o Fantasy Wars ou o Elven Legacy e agora é a vez do Warlock: Master of the Arcane. Escusado será dizer que para quem já jogou os títulos anteriores ou qualquer outro título de estratégia por turnos perceber a mecânica de jogo não será tarefa difícil. Aliás um dos aspetos que mais me agradou foi a sua simplicidade – para um jogo de estratégia é claro – algo que não é muito habitual no género mas que até não surpreende visto o mesmo já ter acontecido com o Fantasy Wars.

Warlock: Master of the Arcane Screenshot 1
Pode parecer complexo mas este jogo é bem mais simples do que parece...

Warlock: Master of the Arcane é de facto fácil de se compreender não só para os veteranos, como também para quem não está familiarizado com o género. Menus simples, muita informação, um tutorial completo e outras pequenas ajudas preciosas ajudam-nos a ficar de olho no nosso império.

A mecânica de jogo é a esperada, as nossas unidades movem-se em “grids” e em cada turno elas possuem um número limitado de movimentos. Todos os nossos edifícios também são construídos no interior de “grids” e visualmente é como se estivéssemos perante um tabuleiro de táticas de combate no qual devemos mover estrategicamente as nossas “peças“. Na realidade não há muito que saber, para os mais inexperientes existe um tutorial e mesmo que não lhe dêem muita atenção depois de alguns jogos qualquer um consegue entrar no sistema de jogo.

Warlock: Master of the Arcane Screenshot 2
Desde veteranos até novatos, ninguém terá grandes problemas com este jogo...

Aquelas ações aborrecidas e rotineiras habituais no género foram reduzidas, Warlock: Master of the Arcane é todo ele sobre a construção e expansão do nosso império de forma a que ele esteja preparado para o conflito e cuidado que ele surge quando menos se espera. Antes de iniciarmos um jogo vamos poder configurá-lo à nossa maneira, podemos escolher o nível de dificuldade, o tipo de continente (supercontinente, ilhas etc…) o seu tamanho, o número de “great mages” rivais e por aí fora, ou seja, é possível criar o tipo de jogo que quisermos.

Assim que o jogo inicia nós começamos imediatamente a construir o nosso império. Tal como qualquer outro título de estratégia para que as nossas cidades funcionem corretamente é necessário estar de olho nos recursos financeiros do império; certificarmo-nos que existe comida suficiente para a população, bem como “mana” para as nossas investigações místicas que desbloqueiam feitiços e para lançar esses mesmo feitiços. A expansão do império é importante e ela acontece com uma mistura entre o crescimento normal das cidades, a criação de novas cidades ou a conquista de outras cidades.

Warlock: Master of the Arcane Screenshot 3
Ardania é um mundo mágico e fantástico mas cheio de perigos...

A mecânica de jogo é muito divertida, algo que acontece em parte devido ao universo fantástico que nos rodeia. Orcs, trolls, vampiros, existem um grande número de unidades cada uma com os seus pontos fortes e fracos, e todas elas parecem ter sido retiradas de um “Harry Potter” ou “Senhor Dos Anéis“. Outra caraterística interessante é o facto de não sermos obrigados a entrar em conflito imediatamente assim que encontramos o império de outra “great mage“, pelo contrário podemos continuar a evoluir até que estejamos capazes de entrar numa guerra. Para além disso podemos optar pelo diálogo e tentar negociar a paz, ou então declarar guerra.

Graficamente Warlock: Master of the Arcane é um jogo sólido, o cenário de fantasia permite uma multiplicidade de cores, as animações apesar de serem simples estão bem conseguidas e dá um gosto especial observar as nossas unidades mais poderosas a aniquilarem os nossos inimigos. Este pode não ser um título de estratégia com orçamentos “Hollywoodescos” mas a Ino-Co Plus prova mais uma vez que a falta de recursos pode ser bem compensada com talento e muito trabalho.

Warlock: Master of the Arcane Screenshot 3
A expansão pode colocar-nos frente a frente com um rival...

Depois de várias horas de jogo eu acredito que nós podemos estar perante algo especial, Warlock: Master of the Arcane é um jogo de estratégia por turnos que possui todos os elementos clássicos do género, é fácil perdermo-nos durante horas a gerirmos o nosso império e é incrivelmente recompensador quando a nossa expansão começa a atingir proporções titânicas.

Este é um título modesto e de preço reduzido, mas não se deixem enganar por isso, Warlock: Master of the Arcane é também um dos mais interessantes e bem conseguidos jogos de estratégia que eu joguei nos últimos tempos. Depois de várias horas de jogo eu continuo impressionado com a sua qualidade e sobretudo com a atenção que os programadores deram aos detalhes. A Ino-Co Plus está também de parabéns pela forma inteligente com mais uma vez volta a “pegar” na estratégia por turnos, simplificando um modelo de jogo na esperança de apelar a um público mais abrangente.

A versão que tenho estado a jogar não é a final, recorde-se que este jogo tem lançamento agendado para o próximo dia 8 de Maio, por exemplo a IA – inteligência artificial – será atualizada no dia do lançamento e o produto final será então ligeiramente mais polido e ainda melhor.

Warlock: Master of the Arcane Screenshot 4
Warlock: Master of the Arcane brilha dentro do seu género...

Depois do genial Fantasy Wars – um título recomendado já agora que está disponível na GOG.com ao preço super baixo de 8€ – eu acredito que a Ino-Co Plus tem todas as razões para estar entusiasmada com este novo título, ele possui um enorme potencial e será difícil para um fã de estratégia e fantasia não se render aos seus encantos. Tecnicamente muito bom, Warlock: Master of the Arcane é um daqueles jogos que eu recomendaria não só a um apreciador de jogos de estratégia por turnos como a qualquer gamer para quem a ideia de gerir impérios mágicos e partir para a conquista de continentes seja atrativa.

Para já podem desfrutar do demo que se encontra disponível na Steam e apesar de ele ter algumas limitações já é possível terem um vislumbre do que o jogo pode oferecer. O lançamento é dia 8 de Maio e apesar de estar catalogado como sendo para um jogador, o modo de multijogador será adicionado no Verão.

Diogo Mota
O Diogo é o organizador, todo o conteúdo do website passa de uma forma ou de outra pelas suas mãos, ele certifica-se que os padrões de qualidade são sempre altos e se a Gaming Portugal é hoje uma máquina relativamente bem oleada, isso acontece em grande parte graças ao seu trabalho.

Também poderás gostar de: