Opiniões PC

Drake Hollow: Opinião

Drake Hollow é um título de ação na terceira pessoa com elementos de construção, defesa de bases e sobrevivência que possui também uma forte componente de cooperação. Mas será este jogo capaz de se destacar dentro de um género cada vez mais saturado?

Constrói e defende vilas de fofinhas criaturas de vegetais que são perseguidas por bestas ferozes no mágico mundo do “The Hollow“. Explora, reúne recursos e reúne aos teus amigos para que juntos defrontem as criaturas perigosas e garantam o bem estar das pequenas “drágoras“.

Drake Hollow é uma espécie de jogo de ação na terceira pessoa misturado com um jogo de construção, sobrevivência, defesa de bases e gestão de recursos. Parecem ser muitos elementos combinados num só jogo? Talvez, mas nem sempre o que parece é.

O início da aventura

Drake Hollow tem uma introdução misteriosa e o jogo e a sua história mágica são-nos apresentado à medida que vamos dando os nossos primeiros passos. É uma espécie de tutorial em andamento e em boa verdade, este tipo de tutoriais são os melhores porque se aprende a jogar.

Não demora muito tempo até encontrarmos as adoráveis e peculiares criaturas chamadas “drágoras” e a percebermos que elas necessitam da nossa ajuda para sobrevivem. As “drágoras” são uma espécie de vegetais que têm vida, aborrecem-se com facilidade e são particularmente vulneráveis aos ataques de monstros que vagueiam pelo mundo.

Nós somos os “babysitters/guarda-costas perfeitos” e a nossa missão é construir um acampamento com tudo o que as “drágoras” precisarem para sobreviverem e repelir os ataques realizados a esses acampamentos pelos tais monstros que por alguma razão odeiam as “drágoras“.

À nossa disposição temos um mundo aberto que é gerado proceduralmente e que deve ser explorado na procura de recursos e materiais necessários na construção do acampamento e na sua consequente defesa. A geração procedural garante que a cada novo jogo o mundo será diferente e oferece aos jogadores motivos para voltarem sempre à experiência mesmo depois de lhe terem dedicado muitas horas.

O grafismo

Drake Hollow é visualmente um jogo muito interessante, o mundo de “The Hollow” é colorido, mágico e misterioso. O jogo está muito bem desenhado com um trabalho artístico que parece ter ido buscar inspiração ao mega-popular “Fortnite” com um estilo mais “cartoon” do que realista.

Um destaque especial vai para as adoráveis “drágoras” que são provavelmente das criaturas mais fofinhas que nós já vimos no mundo dos videojogos. Os modelos das personagens também estão muito bons bem como os dos monstros que aterrorizam as “drágoras” e o mesmo e pode dizer sobre os efeitos visuais.

No geral Drake Hollow é um jogo muito sólido no departamento gráfico e que beneficia de um trabalho artístico de grande qualidade e que no fundo acaba por destacá-lo da concorrência neste departamento.

No PC Drake Hollow também não é um jogo exigente, qualquer computador de gama média ou até baixa conseguirá correr este jogo sem grandes problemas mas obviamente que as máquinas mais poderosas conseguirão atingir uma maior fidelidade gráfica.

A jogabilidade

O jogo mistura inúmeros elementos desde a ação tradicional na terceira pessoa, elementos de construção e gestão de recursos e até elementos de sobrevivência. Como escrevemos no início da opinião, parecem muitos elementos misturados mas a realidade é que alguns deles são mais explorados do que outros.

Na sua base Drake Hollow é um  jogo de ação na terceira pessoa, pelo caminho encontramos armas e itens que nos ajudam a combater os inimigos bem como a ultrapassar obstáculos. Um dos grandes obstáculos iniciais é uma névoa que cobre o mundo e separa ilhas entre si e que os jogadores só podem atravessar inicialmente recorrendo a um item que lhes garante imunidade temporária aos efeitos da névoa.

Com a progressão a exploração vai-se tornando mais divertida quando começamos a interligar as ilhas do mundo através de um sistema de cabos que podem ser navegados pelos jogadores em alta velocidade e que é sem dúvida uma das mecânicas mais espetaculares deste jogo.

O combate é simples mas divertido e ao longo da aventura acontece com muita frequência. O que também ocorre com frequência são vagas de inimigos que atacam o acampamento e devem ser repelidas pelos jogadores. A jogabilidade é muitas vezes um misto de exploração com retorno ao acampamento para o defender os constantes ataques.

Mas há mais, também temos os elementos de construção que nos permitem não só criar o acampamento como torná-lo mais robusto. Em adição este acampamento também serve para satisfazer as necessidades das “drágoras” que precisam de comer, dormir e de se divertirem para não morrerem literalmente de tédio (sim, isso acontece, elas podem morrer de aborrecimento!).

Os elementos de construção e gestão oferecem alguma variedade à jogabilidade mas não são muito desenvolvidos. Por exemplo não há uma mudança de perspectiva quando passamos para o modo de construção e embora seja fácil construir, o posicionamento poderia ser muito melhor com uma visão distante e mais estratégica.

No entanto e porque se trata de um jogo lançado também na Xbox, as limitações são compreensíveis porque a experiência precisa de ser simples o suficiente para ser gerida com um comando. Enquanto jogadores de PC nós aceitamos perfeitamente quando um jogo opta por simplificar a jogabilidade por falta de botões suficientes no comando e felizmente Drake Hollow  até não sofre muito com isso.

Jogar com amigos

A experiência de um jogador é bastante divertida, mas Drake Hollow brilha e faz mais sentido quando a experiência é partilhada no modo de cooperação. Elementos como a gestão da base ou até a simples exploração e o combate tornam-se mais divertidos quando são adicionados outros jogadores à mistura.

Para além disso à medida que vamos progredindo na experiência a “solo” a gestão da base vai-se tornando cada vez mais difícil. É por esta altura que começamos a sentir falta de outros companheiros que nos ajudem e esta é a razão mais forte que nos leva a recomendar (muitoooo!) o modo de cooperação.

Nós recomendamos que reúnas um grupo de amigos (o jogo suporta cooperação até 4 jogadores) e que juntos adquiram este jogo porque só assim conseguirás tirar partido (e muito divertimento) desta experiência.

Sem surpresas mas sólido

Drake Hollow não é um título revolucionário e verdade seja dita, não acrescenta nada de novo ao género. Ele é em grande parte um jogo de ação na terceira pessoa com alguns elementos “light” de construção e gestão mas que no entanto possui o mérito de conjugar todos estes elementos sem nunca descaracterizar a experiência.

O resultado final é uma experiência muito sólida em todas as áreas e uma surpresa agradável nesta segunda metade de 2020. Se gostas de jogos de cooperação então é muito provável que Drake Hollow seja o jogo ideal para ti e para os teus amigos.

Uma divertida experiência cooperativa!

Drake Hollow não traz consigo nada de novo para o género, mas é um título sólido em todas as áreas e poderá ser uma boa alternativa para quem procura por uma boa experiência para ser partilhada com amigos.

7.3
Recomendado:
7.3

Adepto do ar livre e dos desportos radicais, nós nunca sabemos se no próximo fim-de-semana ele não irá longe demais, levando a equipa a ficar com um elemento a menos. Quer dizer, o exercício é uma coisa boa, mas quando isso envolve quedas de grandes alturas ou escaladas perigosas, talvez seja melhor ficar em casa a jogar videojogos.

O Márcio é uma das forças editoriais da Gaming Portugal, ele também faz um pouco de tudo mas a sua preferência reside nos artigos de opinião. Regra geral ele não é comedido nas palavras, porém em vez de optar pela dureza extrema ele prefere quase sempre pelo sentido de humor.

Também poderás gostar de:

 
Subscrever
Notificações de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Partilha tua opinião, comenta.x
()
x