Notícias PC

A Guerra De Consolas Acabou: PC Foi o Vencedor

A Guerra De Consolas Acabou: PC Foi o Vencedor

Parece uma brincadeira eu sei, afinal de contas o mercado dos PC’s está em declínio não é? Sim, é verdade que o mercado dos PC’s está em declínio, já o mercado de gaming nos PC’s, esse está de boa saúde e já é duas vezes o tamanho do mercado de gaming nas consolas.

É verdade amigo gamer, num relatório da John Peddie Research o mercado de gaming nos PC’s não só é maior do que o das consolas como está a crescer, ele deverá atingir a marca dos 21.4 biliões de dólares este ano (cerca de 15 biliões de euros)  e crescer até 23 biliões (16 biliões de euros) até 2017. É obra!

No relatório o analista de gaming sénior da JPR, Ted Pollak afirma que os jogadores casuais de consolas estão a mudar para o mobile e embora isto esteja a acontecer também com os gamers que possuem PC’s de gamas baixas, mais dinheiro tem sido investido no upgrade e compra de PC’s de gama média e alta.

A JPR também regista um maior investimento por parte das companhias neste segmento que se aperceberam que, os gamers de PC, aqueles que investem nas suas máquinas não só são clientes fiéis como, em nome da qualidade, não têm receio de gastar um pouco mais.

A diversidade, as redes de distribuição digital que já estão estabelecidas bem como o facto do PC de gaming ser mais poderoso e multifacetado do que as consolas, fazem dele um mercado cada vez mais apetecível. Como se isso não bastasse, entre os “gamers hardcore” – mesmo aqueles que no passado se dedicavam exclusivamente às consolas – há uma maior sensibilização para as vantagens de se jogar no PC.

Os gamers também parecem apreciar cada vez mais a diversidade disponível no gaming no PC, diversidade essa que lhes permite construir por exemplo uma máquina à sua medida. As vantagens são muitas e é importante não descurar que hoje em dia mesmo computadores de gamas mais baixas conseguem oferecer experiências de gaming relativamente boas e atingem o 1080p bem como frame rates decentes sem grandes dificuldades.

Talvez em Portugal isso ainda não se tenha sentido com a mesma força que nos outros países, mas uma coisa é certa, até 2017 o crescimento do mercado do gaming no PC parece quase inevitável e mais cedo ou mais tarde vai começar a sentir-se até aqui por terras lusitanas.

Queres saber porquê que nós consideramos o PC a plataforma de gaming por excelência? Lê este artigo.

 Obrigado, Forbes & Jon Peddie Research

Helio Costa

Helio Costa

Editor em Gaming Portugal
Apesar de ser editor, juntamente com o Diogo encarrega-se de gerir toda a equipa, é uma espécie de terceiro “boss” que muitas vezes acaba por ser o primeiro. Para além de escrever para o website ele é responsável pela verificação de conteúdo e por corrigir muitas das falhas que nós cometemos quando queremos trabalhar rápido demais.
Helio Costa

Também poderás gostar de:

A Gaming Portugal Recomenda

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Política de Privacidade & Cookies

Este site (tal como todos os outros) utiliza cookies. Ao navegares na Gaming Portugal estarás a consentir a sua utilização.